Acervo com obras modernistas celebra 100 anos do movimento; confira na Pinacoteca!

A mostra apresenta cerca de 134 trabalhos de diversos artistas, entre eles, ícones como Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Victor Brecheret.

Fotos: Isabella Matheus/Divulgação

“São Paulo” (1924), de Tarsila do Amaral.

No ano da celebração dos 100 anos da Semana de Arte Moderna de 1922, São Paulo ganhou uma exposição que reúne os principais ícones e representantes do movimento que revolucionou a história da arte brasileira. A mostra “Modernismo. Destaques do Acervo” traz mais de 134 obras e pode ser conferida até o dia 31 de dezembro, na Pinacoteca do Estado de São Paulo.

Um selo especial foi colocado nas obras desta exposição, já que os trabalhos estão espalhados por todas as salas do prédio, entre as mais de 1.000 expostas.

Os visitantes contemplarão quadros icônicos, como “Amigos”, de Emiliano Di Cavalcanti, que esteve exposto na própria Semana de 22 no Theatro Municipal. Os clássicos “Antropofagia” e “São Paulo” de Tarsila do Amaral também estão expostors. Victor Brecheret, Lasar Segall, e Ismael Nery são outros nomes de peso entre os artistas.

Modernismo. Destaques do Acervo
Local: Pinacoteca de São Paulo
Endereço: Praça da Luz, 2; das 10h às 17h
Ingressos: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia), sendo gratuito para maiores de 60 anos e menores de 10.
Reservas de Ingressos Online: Reserve AQUI os seus ingressos online para melhor programar sua visita. Se preferir, ou os ingressos estiverem esgotados em nosso site, retire os ingressos direto na bilheteria física da entrada do museu.

*Os ingressos adquiridos são válidos para o dia todo, sem horário específico de entrada. A Pinacoteca funciona de quarta a segunda, com entrada das 10h às 17h e permanência até 18h. Às quintas feiras, a entrada a partir de 18h é gratuita, com permanência até 20h e aos sábados, a entrada é gratuita para todas as pessoas o dia todo.

“Bananal”, de Lasar Segall.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.